Zurique é uma cidade suíça, pequena, elegante e com um ritmo muito particular. Tudo parece funcionar de forma organizada, tranquila e interessante.

Zurique

As principais atrações para o turista giram em torno do centro histórico, que impressiona pela conservação. Porém, já há bairros crescendo e se tornando o novo point dos jovens.

O transporte público é um destaque a parte. Simplesmente impressionante ver bondes e bicicletas convivendo com tanta harmonia.

Nós aproveitamos três dias lindos de verão e adoramos.

Veja os motivos que nos encantaram:

1 – Estação de Trem Zürich Hauptbahnhof e o Centro de Informações Turisticas

Saimos de Paris e desembacamos na estação que fica no centro histórico. A construção é linda e por si só já é uma atração. Super integrada à cidade, de lá saimos caminhando na avenida principal em direção ao nosso hotel.

Aproveite e passe no Centro de Informações Turisticas, tire suas dúvidas e pegue os mapas disponívies em todas as linguas, inclusive o português!

Centro de Informações Turísticas na estação de Trem em Zurique
Centro de Informações Turísticas na estação de Trem em Zurique

Zürich Hauptbahnhof (nome abreviado Zürich HB; em inglês: Zürich Main Station or Zürich Central Station) é a maior estação de trem da Suiça.

2 – Bahnhofstrasse, a rua principal do centro: comércio e integração de transporte público.

Uma avenida elegante que começa na estação de trem e segue até a beira do lago. Centro de compras reconhecido pela exclusividade. Em 2011, a rua foi nomeada a mais cara da Europa e a terceira do mundo.

Zurique

Partindo da estação é possível encontrar lojas fast fashion mais acessíveis como a Zara, H&M e a Mango, porém a medida que você caminha em direção ao lago as super grifes são a maioria. Marcas como Chanel, Hermès, Gucci dividem o cenário com as inúmeras lojas de relógios.

Zurique

Mesmo que não queria arriscar o cartão de crédito vale visitar a Grieder, uma multimarcas suíça com vitrines e áreas internas muito diferenciadas.

Zurique Grieder

Outro ponto que chama a atenção é a integração do transponte público com o cenário. Quase não existe calçada. As pessoas andam de tram (tipo bonde) todas arrumadas indo trabalhar, enquanto as bikes circulam lado a lado sem nenhuma preocupação. Não é dificil entender porque você está no chamado primeiro mundo.

3 – Parque Lindenhof,

Fica em um ponto alto da cidade e tem uma vista linda de toda a parte histórica.

Zurique

A pequena subida deixou você com sede? Beba água potável na fonte, uma das inúmeras espalhadas pela cidade.

Zurique

4 – Explorar a região do Rio Limmat

A beleza de Zurique não se encontra dentro de prédios ou museus, mas sim a céu aberto! A cidade é linda, por isso a melhor maneira de conhecê-la é caminhando pelas suas ruelas ao lado das duas margens.

Zurique

Zurique

Caminhar ao longo do Rio Limmat ou aproveitar a vista sentado em algum bar é uma das atrações da cidade. Águas super limpas abrigam inúmeros patos.

O rio se conecta com o lago e o trajeto pode ser explorado com o barco que faz parte do sistema público. Existem paradas ao longe do rio e depois  estações no lago, um trajeto que dura 1 hora e meia.

5– Sistema de empréstimo de bikes gratuitos – ZURiROLLT

https://www.zuerich.com/en/visit/sport/zurich-on-wheels

As bikes são gratuitas. É só passar nas estações de retirada, preencher uma ficha, deixar um depósito em dinheiro e sair pedalando. Você usa o dia todo, retorna ao mesmo ponto, devolve a bike e resgata o depósito.

Zurique
Retirada de Bikes

6 – Aproveitar o Lago de Zurich

O lago é um espetáculo a parte, principalmente para quem visita a cidade no verão.

Logo De Zurique Logo De Zurique

As águas são super limpas e no final de semana viram ponto de encontro para a prática de esportes naúticos: standups, veleiros e pedalinhos de todos os formatos.

Lago de Zurique Lago de Zurique Lago de Zurique Lago de Zurique

7 – Piscinas públicas

As piscinas públicas, tanto no rio como no lago, são atrações muito típicas. Vale conhecer e aproveitar.

No Rio Limmat, visitei a FRAUENBAD, piscina exclusiva para mulheres. Super engraçado, a mulherada faz topless na beira do rio.

Piscina Publica Zurique
Piscina Publica Zurique

No lago fica a super tradicioanal e badalada SEEBAD ENGE. Pena que essa só descobrimos na segunda feira e ai estava vazia. É tipo um quiosque de praia onde as pessoas alugam pranchas, caiques e pedalinhos.

Zurique

8- Zurique West, o bairro moderninho.

A nova área, uma espécie de Soho de Zurique, uma antiga zona industrial que começa a dar lugar a lojas, cafés e centros culturais.

Zurique West

A região Markthalle, em baixo dos arcos do trem, tem várias lojas moderninhas.

Logo ao lado fica a Freitaq loja de bolsas e acessórios super descolados, confeccionados com materiais reciclados. Um edifício de quatro andares feito com contêineres, empilhados a 26 metros de altura.  No alto existe um ponto de observação para quem, como eu, se aventurar a subir pela estrutura.

Freitag Zurique
Freitag Zurique

Ao lado da loja um dos mais famosos beergartens, bares da céu aberto: o Fraugerold. ch.

Zurique West
Zurique West -O Bar Freugerold visto do alto da torre da loja Freitag
Ftoto na capa do guia
Foto do Fraugerold na capa do guia

Caminhando mais um pouco, também é possível visitar o centro cultural Schiffbau.

Schiffbau Zurique

Este bairro é o lugar ideal para quem procura uma vida noturna agitada e mais descolada.

9 -Saborear as delícias típicas

Lembre-se que os suiços são famosos pelos chocolates.

Dica: entre no supermercado na avenida principal e perca-se na sessão com mais de três corredores só de chocolates.

Também adoramos a salsicha com batata rosti do restaurante Zeughauskeller, que fica ao lado da loja Hermes na avenida principal.

Zurique

Nós adoramos a cidade e super recomendamos a visita. E você já conhece?

Compartilhe suas dicas aqui nos comentários.

Quer conhecer mais? Veja nosso video

Instagram
@longeeperto